Prognosticos Apostas Futebol

Open da Austrália 2017 - Os nossos prognosticos ATP Australian Open, Melbourne, Australia

Tem de ser membro para consultar os nossos prognósticos. Registe-se gratuitamente em alguns instantes ou ligue-se para consultar todos os prognósticos dos nossos peritos!

O Open da Austrália tem o seu elenco de sonho

Depois de um ano de 2016 fantástico, nomeadamente marcado pela intromissão de Sir Andy Murray no trono do ATP Ranking, o circuito regressa com os seus campeões na Austrália, para o primeiro Grand Slam da temporada (16 a 29 de Janeiro). Um torneio que marca o regresso aos courts do rei Federer, depois de 6 meses após a sua última aparição… Relegado no ranking para número 2 mundial, Novak Djokovic, que arrebatou 5 dos 6 últimos troféus em Melbourne, pretende uma conquista na sua primeira prova do ano. Um sentimento que não mais teve depois do seu primeiro triunfo em Roland Garros, que acabou por ser o seu último triunfo do Grand Slam. Adicionar um Rafa Nadal com sentimento de vingança a este trio de atores completa um elenco de sonho. Antes de apostar em quem irá desempenhar o papel principal, descubra tudo sobre os protagonistas.

Murray o caça-sonhos

murray

Há menos de oito meses, poderíamos caraterizar Andy Murray como um grande jogador destinado a fazer boa figura ao pé do pódio de lendas desta geração de 2000. Mas, através de um trabalho duro e elevados padrões de exigência, o Escocês atualizou-se e evoluiu. Melhor no seu compromisso, mais focado e com uma velocidade impressionante, o novo número 1 do mundo consegue irritar uma parte dos fãs, mas recompensa-os mais do que nunca. Acima de tudo, ele impõe respeito, dado o seu estatuo, mas também a forma como vence e convence os melhores jogadores. Com 21 vitórias em 24 jogos contra jogadores do top 10 em 2016, ou seja, 88% de sucesso, o Britânico colocou tudo e todos em sentido.

Ainda sem vencer nenhum título em Melbourne, onde já perdeu cinco vezes na final, Andy Murray não planeia em nenhum momento deixar de mãos a abanar. Vamos ver como Andy vai encarar o seu primeiro grande torneio na pele de número 1. Apesar de algumas questões em torno do início da temporada, o líder do circuito permanece com 25 vitórias consecutivas e ganhou confiança suficiente para lhe ser atribuído o rótulo de favorito na Austrália.

a vitória do nº1 mundial é proposta a 2.60 em Betclic

Djokovic o conquistador

djoko australia

Este é o mestre na Austrália. Muitas vezes desafiado mas raramente batido, o Sérvio falhou apenas uma vez nos últimos seis na conquista do primeiro Grand Slam da temporada. Foi frente a Stan Wawrinka, na semifinal da edição de 2014. Bicampeão em título, o Djoker, bem recuperado, não vê outra coisa que não seja a conquista do sétimo título sob o sol brilhante de Melbourne. Uma superfície muito rápida, que parece ser do agrado do Sérvio.

O Sérvio confessou ter baixado ligeiramente o nível de exigência do seu jogo depois de (finalmente) ter vencido a Taça dos Mosqueteiros em Paris, em Junho do ano passado, mas já se mostrou novamente conquistador a fechar a temporada, nos Master. Nole aproveitou bem a companhia da sua família nos últimos meses e a máquina está de novo pronta para o primeiro episódio da época. Ele é, juntamente com Murray, um dos grandes favoritos. Ao gozarem dos dois primeiros lugares do ranking, os dois homens apenas se poderão defrontar na final…

Aproveite a bela quota de 2.40 para apostar no sétimo coroamento em Melbourne do Djoker

Roger, um rei disfarçado em príncipe

federer australia

O seu talento é igualado apenas pelo seu amor ao ténis. Incansável trabalhador, meticuloso com o seu estado físico, o Suíço nunca tinha ficado de fora de um torneio do Grand Slam desde a sua primeira aparição em Melbourne, em 2000. Lesionado 6 meses, este modelo como pai aproveitou as férias forçadas para cuidar dos seus, não se esquecendo de carregar baterías no ar puro das montanhas Suíças. Mas enquanto assistia à autêntica eclosão de Murray, na pele de um fã, Roger Federer nunca deixou dúvidas quanto o seu regresso aos courts. Passaram 6 meses, que pareceram uma reforma para o maior jogador de todos os tempos. De qualquer forma, o que aconteceu na Hopman Cup, foi uma competição amigável em que Federer apareceu na plena posse das suas faculdades. Do alto dos seus 35 anos e com um 16º posto do ranking ATP, Federer ainda tem batalhas a vencer. Semifinalista em 2016 e já vencedor 4 vezes na Rod Laver, é tudo menos um outsider.

Federer galardoado em Melbourne é proposto a 15!

Um Rafa faminto

australian open

E mais uma lenda da modalidade que regressa. Lesionado durante uma parte da temporada em 2016, « El Toro » ainda teve tempo para ganhar 2 títulos, incluindo o Masters de Monte Carlo. Muito inconstante fisicamente depois de dois anos à procura do melhor estado físico, o Espanhol trabalhou e começa a encontrar todas as boas sensações. Facilmente venceu Berdych, Raonic e Goffin no torneio amigável de Abu Dhabi. Rafa, que não consegue atingir os últimos quatro de um Grand Slam desde que se lesionou no Open de Austrália, há 2 anos, espera este ano dar o golpe. Ainda com sangue de conquistador e finalmente, em perfeito estado físico, o Espanhol (17) deve ser levado muito a sério.

Wawrinka e Raonic em emboscada

« wawrinka

O ténis também é nobre por dar a oportunidade protagonizar o papel principal àqueles jogadores que são vistos como simples figurantes. Foi justamente o caso de Wawrinka, muito tempo considerado como um jogador muito bom, só tardiamente descobreu possuir um temperamento de grande jogador. Vencedor na Austrália há dois anos, o Suíço angariou confiança para vencer o Roland Garros em 2015 assim como o Open do Estados Unidos em 2016. Afastado logo nos oitavos por Raonic ao fim de uma longo batalha há um ano atrás, o último vencedor de um Grand Slam, número 4 do ranking mundial, aponta claramente para um segundo título em Melbourne. Stan The Man é oferecido a uma quota de 12

raonic

O seu carrasco do ano anterior é outro grande perigo. Milos nunca realizou o seu sonho de conquistar um dos quatro grandes troféus do circuito, embora o tenha tocado com a ponta dos dedos em 2016, no ano da sua primeira final no grama de Wimbledon. Varrido por Djokovic, o Canadiano tem progredido imenso na abordagem a este tipo de encontros e provou-o novamente no Masters em Londres. Batido por Murray, mas depois de ter tido várias bolas para fechar o encontro, Raonic fez seguramente o melhor jogo da sua carreira e pode olhar para o seu futuro com serenidade e confiança. Aborda a temporada com o estatuto de número 3 mundial e uma enorme ambição.

A armada dos outsiders

Se Juan Martin Del Potro teve de desistir desde já do, para a maior infelicidade dos amadores da blinha amarela, são muitos os que esperam pela sua hora na sombra dos demais, e o momento mais oportuno para criar a surpresa. Apesar do golpe muito duro sofrido perante os seus adeptos, na final da Taça dAvis frente à Argentina de Del Potro, Cilic não deixa de ser um outsider nesta temporada de 2017. Quase imbatível quando sente perfeitamente a bola, o Croata é para ter em conta neste Aberto da Austrália. Por outro lado, não se pode esquecer Kei Nishikori. Apesar de ter dado sinais de fragilidade no plano mental frente aos melhores nos grandes eventos, o rapidíssimo Japonês pode sair da sua toca a qualquer momento. Frente aos seus adeptos, o fantasista Nick Kyrgios é também capaz de silenciar os críticos. Sempre cheio de confiança, o Australiano transmite a impressão de poder dominar qualquer tenista. Os franceses (Gael Monfils, Jo-Wilfried Tsonga, Richard Gasquet, Lucas Pouille, Gilles Simon) são igualmente capazes do melhor, tal como Berdych, eterno outsider, ou os jovens Dominic Thiem e Sascha Zverev. Se Murray parece estar furos acima, algo nos diz que este Australian Open pode ser completamente louco!

Do lado das senhoras

williams kerber

O torneio feminino vais ser tão emocionante quanto o dos homens. O torneio solicitará a eterna Serena Williams, que está a apenas um título do record de títulos no Grand Slam, ainda hoje pertence de Steffi Graff (22). Afetada num ombro durante todo o ano de 2016, a Americana teve tempo para descansar e preparar a vingança frente a Kerber, que venceu aqui em 2016. Detentora do título e nova patroa do circuito WTA, a Alemã procura durar no tempo e conseguir bisar.

« muguruza »

Atrás deste duo de favoritas, vem a poderosa Garbine Muguruza, que provou ao vencer Roland Garros, ter tudo de uma grande campeã. Nova conquista é proposta a 10. Simona Halep, Karolina Pliskova e Agnieszka Radwanska também são capazes de se converterem na surpresa do torneio. Por falar em surpresas, muito se pode esperar de Caroline Garcia. A Francesa mostrou todo o seu potencial na final da Fed Cup e não parece estar muito longe da primeira conquista. Temos aqui uma quota de 80 que seria uma pena não tentar… Com o seu poder devastador, Sloane Stephens, se tiver consistência, é também suscetível de causar danos… Lamenta-se a ausência de Azarenka (maternidade) e Kvitova (lesão), mas este torneio feminino ainda promete um grande espetáculo.

torneio feminino, as principais quotas

  • Serena Williams : 3.50
  • Angélique Kerber : 4.50
  • Simona Halep : 9
  • Karolina Pliskova: 9
  • Garbina Muguruza: 10
  • Agnieszka Radwanska : 28 ...



Partilhe Facebook Twitter e-mail

Artigo "Open da Austrália 2017" actualizado no 17/10/2017

Casa de Apostas



As apostas de Futebol
Odds Apostas
Resultados em directo

Bonus Apostas



bonus betclick
bonus bwin
bonus betfair
bonus unibet
bonus bet 365

 

Sobre o SportyTrader, o 1º site de apoio aos prognósticos e às apostas desportivas



O SportyTrader.pt é o site de referência dos prognósticos e das apostas desportivas on-line. Mais de 150 000 prognósticos gratuitos são propostos no Futebol, Ténis, Râguebi, dos quais 50 000 são no futebol!

O comparativo mais completo dos sites de apostas on-line, o SportyTrader permite-lhe apostar em toda a segurança ao mesmo tempo que aproveita dos melhores bónus e promoções disponíveis na Internet.







 

Quem somos ? - Contactar SportyTrader - Convidar - Imprensa

Copyright © 2017 SportyTrader.pt - Todos os direitos reservados

Termos gerais - Mapa do Site

Idioma