Joga por diversão, Com moderação | 18+

Este verão, durante o Euro, a Copa América e os Jogos Olímpicos, jogue de forma responsável!

por Claudio Ferreira | por Claudio Ferreira

image Este verão, durante o Euro, a Copa América e os Jogos Olímpicos, jogue de forma responsável!
O verão vai ser bastante festivo no que diz respeito a competições desportivas. Entre o Euro 2024, a Copa América que começa alguns dias mais tarde -, seguido de Wimbledon, os Jogos Olímpicos de Paris e o recomeço gradual dos campeonatos... Esta é uma boa oportunidade para lembrar aos nossos utilizadores para apostar de forma responsável.

Euro, Copa América, Jogos Olímpicos: jogue com moderação!

A partir de hoje, 14 de junho, e do pontapé de saída do Euro 2024, esta noite, entre a Alemanha e a Escócia, vamos ter um verão louco com um programa magnífico: o Campeonato da Europa, de 14 de junho a 14 de julho, a Copa América 2024, de 21 de junho a 15 de julho, o torneio de ténis de Wimbledon, de 1 a 14 de julho, e depois os Jogos Olímpicos de Paris, de 26 de julho a 11 de agosto.

E, depois de tudo isto, já estaremos de volta ao início dos vários desportos e competições, em particular o futebol português, com o arranque do campeonato nacional, e os play-offs da Liga dos Campeões, que não terão equipas portuguesas, depois do Benfica se ter juntado ao Sporting na fase de grupos da competição milionária.

Enquanto este período será cheio de emoção para alguns, mas também de apostas desportivas para outros, a equipa da Sportytrader gostaria de lembrar os bons hábitos básicos a adotar para evitar cair em maus comportamentos em relação às apostas desportivas, que poderão levar ao vício.

  • Para recordar, as apostas desportivas nunca devem ser a sua principal fonte de rendimento e devem continuar a ser um momento de prazer e divertimento.

Como detatar práticas de jogo problemático?

Como detatar práticas de jogo problemático?

Abaixo, poderá ver alguns dos principais sinais e sintomas que normalmente as pessoas viciadas em apostas desportivas têm por hábito mostrar ou sentir:

  • Vontade frequente de apostar diariamente
  • Apostar sem limites de dinheiro
  • Ultrapassar o orçamento estabelecido
  • Aumento do isolamento
  • Grande euforia quando se ganha uma aposta
  • Apostar imediatamente após uma aposta falhada
  • Querer tirar partido imediatamente das odds aumentadas
  • Sentir-se vazio ou carente sem uma aposta ativa
  • Mentir sobre as perdas, as apostas e o número de apostas efetuadas

Estes são apenas alguns dos sintomas que o podem aproximar de um estado de dependência. Se pensa que está a sentir um ou mais dos sintomas aqui enumerados, saiba que não está sozinho e que pode obter ajuda.

Conselhos e melhores práticas

Não se deve ter vergonha de encarar o vício nas apostas desportivas. Embora algumas medidas, como a redução do tempo passado em sites de apostas desportivas e a definição de limites de apostas, possam ser eficazes, não se deve dizer a si próprio que se trata apenas de uma vontade passageira e que a ultrapassará com o tempo e por si próprio.

Saiba ainda que no site do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (clique em www.srij.turismodeportugal.pt/) é possível realizar uma autoavaliação de problemas do jogo, para que saiba em que ponto se encontra.

O melhor é reagir logo que se aperceba destes impulsos negativos, agindo da melhor forma possível com estas boas práticas:

  • Falar com as pessoas que o rodeiam e em quem confia
  • Contactar profissionais

Estas etapas complementam-se porque pode começar por falar com alguém próximo antes de contactar um profissional da área da dependência, que lhe poderá dar os melhores conselhos possíveis.

As entidades disponíveis para o ajudar

Neste momento, existem várias opções de ajuda que poderá escolher! Poderá optar por visitar websites como o www.sicad.pt/PT/Cidadao/LinhaVida, mas também médicos, psicólogos ou especialistas em toxicodependência e Perturbação de Jogo.

Aconselhamos a visitar o site acima indicado, um serviço de encaminhamento anónimo, gratuito e confidencial do Ministério da Saúde, mas pode também optar pelo Instituo de Apoio ao Jogador. Também poderá recorrer aos Jogadores Anónimos, que tem dois sites distintos para casos na região norte do País (Porto) https://wwww.jogadoresanonimosnorteportugal.pt e na região da Grande Lisboa https://jogadoresanonimos-com-pt.webnode.pt.

Se preferir, também pode contactar alguém por telefone através dos números (+351) 214 193 721 (Linha de Apoio Jogo Responsável), 1414 (Linha Vida do Ministério da Saúde), 919 449 917 (Jogadores Anónimos Lisboa e Carcavelos) ou 933 191 317 (Jogadores Anónimos Porto).

Se tiver a mais pequena dúvida sobre a sua eventual dependência, não hesite em dar o primeiro passo para obter uma avaliação geral da sua situação.

Proibição de apostas para menores!

As apostas desportivas são estritamente proibidas para os menores! Se tiveres menos de 18 anos, não podes registar-te numa casa de apostas e fazer apostas, nem mesmo apostar pessoalmente.

Se mesmo assim conseguires criar a tua conta, a casa de apostas aperceber-se-á do erro e bloqueará a tua conta, pelo que não poderás sequer levantar os teus potenciais ganhos. Um conselho: para não perderes tempo nem dinheiro, se quiseres apostar, e sempre com moderação, espera até atingires a maioridade!

Recorda que as apostas desportivas são estritamente proibidas a menores.

Por último, gostaríamos também de dizer algumas palavras aos pais. Para não tentar os seus filhos (sejam eles menores ou não), deve evitar ao máximo discutir o tema das apostas desportivas à frente deles e, muito menos, apostar na sua presença.

Se o seu filho lhe pedir para se registar para poder jogar (com os seus dados e conta bancária), deve obviamente recusar e explicar-lhe os riscos e perigos envolvidos.Aposte com moderação, divirta-se com as apostas desportivas e não faça delas a sua principal fonte de rendimento! Pode encontrar todas as informações necessárias na nossa página sobre a dependência das apostas desportivas.