Betclic
 50€  GRÁTIS!
Estoril Sol Casino
 250€  GRÁTIS!
Casino Portugal
 100€  GRÁTIS!
+ de 500 EUROS DE BÓNUS OFERTADOS   SE CLICAR AQUI

Prognósticos Liga NOS

Descubra todas as informações para as suas apostas na Liga Sagres: as estatísticas, os jogos e as melhores quotas das casas de apostas.


Apresentação da Liga NOS

A Liga NOS, principal Liga de futebol em Portugal está de regresso! Disputada em os meses de Agosto e Maio, opõe 18 emblemas que se defrontam para a conquista do título luso do Desporto Rei. Depois de uma temporada feita por embates “ida e volta” em que todas as equipas entraram em ação em 34 jogos, vê a primeira da tabela classificativa erguer o troféu e validar o seu bilhete para a Europa e para a Liga dos Campeões. O segundo classificado também segue na mesma rota europeia, enquanto que o terceiro disputa primeiro um playoff de acesso à Liga milionária. Vêm depois os 4o e 5o classificados com os seus ingressos para a Liga Europa, enquanto que os dois últimos da tabela são despromovidos e embarcam para a Segunda Liga. No última temporada, o intocável Sport Lisboa e Benfica sagrou-se novamente campeão Português, pela quarta vez consecutiva, na frente de Futebol Clube do Porto e Sporting Clube de Portugal.

As estatísticas chave da Liga NOS

O que se deve saber antes de apostar na Liga NOS, é que desde a criação do Campeonato Português, existe uma hegemonia dos ditos “Três Grandes”. E se apenas dois títulos escaparam a esses mastodontes ao longa da história, muitos números também confirmam esta regra. Com este carácter elitista, a Primeira Liga sofre da escassa competitividade e aparece um pouco menos espetacular que as outras grandes ligas europeias. Pelo menos em termos estatísticos, pois tecnicamente é dos campeonatos mais evoluídos. O Marítimo por exemplo, conseguiu agarrar o 6o lugar na temporada anterior, com a média magra de um golo por jogo. Em 5 temporadas, apenas 6 homens conseguiram superar a barreira dos 20 golos, e apenas 4 jogadores conseguiram apontar 15 ou mais golos na última época. Apesar de termos de relativizar estes números, por culpa do seu formato mais curto, que conta menos 4 jornadas comparativamente com os restantes grandes campeonato da Europa, é todavia um dado limitado.

Rendimento fora de casa

Um dos elementos a considerar para tornar-se num especialista do futebol luso, é que as performances fora de casa são mais frequentes que nas restantes competições do Velho Continente. Na última temporada por exemplo, 65% dos encontros registaram um golo dos visitantes, e cerca de um terço dos duelos foram concluídos com uma vitória dos hóspedes (29.7% exatamente). Não hesite por isso a tentar algumas surpresas nos embates mais apertados em 2017/2018. Olhando para as odds, pode verdadeiramente valer a pena.

Apostar bem na Liga NOS

Com uma média de 2.38 golos por jogo, a Liga NOS ficou ligeiramente dos restantes campeonatos na última edição e registou uma baixa significativa, face ao 2.72 do ano anterior. Pode ter sido um acidente que revelou rácios ligeiros de vitórias caseiras (44.5%) e de empates (26%). Uma indício que todavia, deixou aparecer vários oposições apertadas, que se decidiram em poucos detalhes. Atras dos “Três Grandes” existe muito suspense.

Exemplo, na temporada finda, 12.5% acabaram com o placar estacado no 1-1, prova – se era necessário – da batalhas difíceis que propõe a principal Liga portuguesa. Se for adepto das apostas nos resultados exatos, pode tentar esta marca quando entender que a indecisão irá marcar o jogo. Geralmente, é um mercado que se propõe à volta de uma odd de 5.00 nas melhores casas de apostas.

Finalmente, os nossos especialistas aconselham-no em não optar em resultados muito avultados na Liga NOS, ou de optar para o “menos de 2,5 golos” ou até o “menos de 1,5 golos”. Na última temporada, apenas 44% dos jogos atingiram mais de dois golos, mais uma vez atrás dos demais campeonatos, quando avaliar que se trata de um jogo com dois emblemas pouco concretizadores.

As forças presentes em 2017/2018

Depois de uma longa batalha à distância com o FC Porto, foi uma vez mas o SL Benfica a conquistar o título de Campeão de Portugal, pela quarta vez seguida. Assinando muitos golos (72) e sofrendo poucos (18), os homens de Rui Vitória impressionaram em todos os compartimentos, e serão uma vez mais o alvo a abater em 2017/2018. Os rivais estão prevenidos, mas a temporada anuncia-se muito difícil.

O regresso do Dragão?

Este Futebol Clube do Porto parece intocável! Sob a alçada de Sérgio Conceição - técnico e filho da casa portuense que reacendeu a chama do Dragão devolvendo-lhe a sua identidade - o emblema do norte parece estar de regresso ao topo do futebol português! Intratáveis, com uma determinação e garra característica do clube, o FC Porto está decidido em colocar um ponto final num jejum de quatro anos (de dois sem qualquer título) na Primeira Liga. Se a frente de ataque constituída por Aboubakar, Brahimi e Marega consegue devorar qualquer defesa nacional, fazendo com que esta equipa versão 2017/2018 se desmarque daquela do ano transato, a sua incrível solidez manteve-se! E o meio campo, simbolizado pelos pulmões de Danilo, tem uma estabilidade impressionante. A frieza desta equipa, insuflada pelo seu vulcânico treinador, são um paradoxo irresistível que conseguiu somar 45 pontos em 17 jornadas! Resta saber se o plantel é suficiente para passar o inverno ao abrigo das intempéries, uma vez que o FC Porto continua envolvido em todas as competições em que entraram no arranque da época. Resposta em Maio. A quota para uma conquista do FC Porto é de 1.60 em Betclic.

O Leão quer o trono!

Há 14 anos que a coroa da Primeira Liga não pinta de verde e branco! Será desta? É bem possível! A meio da época, o Sporting Clube de Portugal conta apenas menos 2 pontos que o líder portista. O presidente do clube leonino está em total sintonia com o seu mestre, Jorge Jesus, e deu-lhe o plantel mais extenso dos Três Grandes. E com grande qualidade, por favor! A profundeza do plantel sportinguista também se destaca pela sua enorme qualidade. Há muito tempo que não se via um Leão tão ambicioso, de acordo com o avultado investimento feito esta temporada, na qual apostam tudo. Aliás, todos os adeptos sportinguistas só creem na tão esperada reconquista do título, com o Bas Dost cada vez mais mortífero, a beneficiar da genialidade daquela que será porventura a melhor aquisição da temporada em Portugal: Bruno Fernandes! O jovem internacional Português assumiu-se instantaneamente como o pensador do bem estudado futebol leonino. Aliás, não é por acaso que este Sporting apresenta sem dúvida o futebol mais vistoso da Liga NOS. A longo prazo, é bem possível que o extenso plantel leonino faça toda a diferença. Uma aposta num Sporting campeão pela odd de 2.80 em Betclic pode valer a pena.

Uma Águia a converter-se num fénix?

O Campeão português em título começou mal, e muito deram como impossível que o Sport Lisboa e Benfica se encontrasse onde se encontra a meio da temporada: dentro da luta. Após 17 jornadas os encarnados estão a apenas 5 pontos do líder e a 3 do seu vizinho e rival. É um facto, o mercado de verão deixou marcas profundas e várias lacunas para preencher, com magníficos jogadores - que ajudaram o SL Benfica a ser Tetracampeão - a deixarem a Luz para outras paragens, nomeadamente na zona defensiva. Mas aos poucos, André Almeida foi crescendo e Ruben Dias vai convertendo-se numa das principais revelações da Liga NOS 2017/2018, pela maturidade que demonstra no eixo defensivo. E se o ataque também não ficou ileso, as últimas jornadas da primeira metade da temporada serviram para uma jogada tática de Rui Vitória, que parece ter encontrado a solução para tudo. Abdicando de um esquema com dois avançados, o técnico benfiquista reforçou o meio campo. Krovinovic - lesionado no arranque da temporada - tem ganho um protagonismo notável e converteu-se num dos principais artistas da Liga portuguesa. Com isto, o ‘Pistolas’ ficou mais assertivo e no momento em que chega o inverno, é o melhor marcador. Nas asas de Jonas, que fez 20 golos em meio ano, os Encarnados parecem estar renascidos. O Penta do SL Benfica é avaliada em 4.00 em Betclic.

Guerreiros cumprem!

É cada vez mais verdade, Portugal está mesmo a ganhar outro “Grande” que neste caso, será o Quarto Grande. Apesar da conquista do título ser fundamental para ganhar o honroso estatuto, a estabilidade impressionante que o Sporting Clube de Braga apresenta esta década consegue iludir. Nunca esquecendo que o emblema do Minho alcançou nesse período uma final europeia… Por outro lado, os Bracarenses lograram acabar a primeira volta do Campeonato Português a pressionar o SL Benfica, a apenas 3 pontos de distância, a 8 da liderança. Se ainda não deverá ser desta que os Guerreiros do Minho devem conseguir a autêntica proeza de conquistar o título em Portugal, 2017/2018 consolida ainda mais a sua imagem. Destacado no 4° lugar, com mais 10 pontos que o 5° a meio da temporada, o SC Braga bem se pode ter antecipado na tomada do derradeiro lugar europeu para o próximo ano. Depois de uma estupenda fase de grupos na Liga Europa, o riquíssimo plantel bracarense à disposição de Abel Ferreira - tanto em quantidade como em qualidade - pode jogar em várias frentes e promete baralhar as cartas na luta que se realiza à sua frente. Com os irmãos Horta, Paulinho, Teixeira, Vukcevic e muitos mais, a Pedreira de Braga pode ser o tumulo de qualquer uma das três bestas, nesta caça infernal aos pontos.

As boas surpresas da primeira volta.

Na região do Norte, há outra equipa a realizar uma boa campanha, e não se trata do Vitória de Guimarães! À imagem do SC Braga, o emblema de Vila do Conde tem conhecido uma evolução brilhante nos últimos anos, embora não tão notória. O seu 5° lugar a meia da época é bem merecido, pois faz claramente parte das melhores equipas da Liga, tanto taticamente com tecnicamente. Se conseguir manter as principais unidades no defeso de inverno, deverá ser uma excelente parceira para as suas apostas até à 34a e última jornada. Fora do continente, o Marítimo não lhe fica muito atrás. Os Insulares impressionam, nomeadamente fora de casa, o que não deixa de ser mais surpreendente. É mesmo o 5° melhor viajante da Primeira Liga. A coesão desta equipa não engana. De regresso ao Norte do país, o GD Chaves consegue ter uma coerência invejável. Os Valentes subiram à primeira divisão em 2016 e vieram para fazer melhor que do que resistir aos emblemas com mais tradição. A 7ª colocação é completamente merecida e os Flavienses prometem ser um bom complemento de aposta para o resto da temporada.

Náufragos improváveis.

Em sentido contrário, vários emblemas históricos da Primeira Liga portuguesa estão a desiludir completamente, e alguns deles até estão sujeitos a afundar no final da temporada. Se o Vitória de Guimarães desilude com um primeiro capítulo feito de altos e baixos, ainda se conseguiu aguentar na primeira metade da tabela. Porém, na segunda metade encontramos o Belenenses que tem lutado para fugir da zona de despromoção e em Maio deverá cumprido esse dever. Em sentido contrário, outros emblemas terão que jogar o dobro para conseguirem voltar à superfície. O Estoril realizou um arranque caótico e parece não ter mais força para debater-se e tirar a cabeça de debaixo da água e fugir ao último lugar. O Vitória de Setúbal tem feito o possível para nadar contra a corrente, e a sua presença na zona vermelha é um impensável, olhando para um plantel que à partida, foi erguido para dar muito mais. É possível que com mais sorte e maior concentração essa situação se resolva, mas vai ser difícil sair desta nebulosa negativa. O promovido Desportivo das Aves tem feito pela vida, mas o fôlego pode vir a faltar. Logo acima da zona de descida, a curso dos resultados negativos pode voltar a levá-lo de vota à Segunda Liga. No olho do furação também o Moreirense, que desde que subiu ao primeiro escalão consegue fugir da fatalidade da despromoção. Se os outros reagirem, as forças poderão finalmente faltar em Cónegos.

Liga NOS: as melhores quotas para apostar: