Joga por diversão, Com moderação | 18+

Prognósticos Copa Sul-Americana

Todas as dicas para ganhar as apostas da Copa Sul-americana 2023: os nossos prognósticos, as estatísticas e as melhores odds das casas de apostas.

Apresentação da Copa Sul-Americana – Futebol

Previsões Copa Sul-Americana – Futebol

A Copa Sul-Americana é a segunda competição internacional de clubes mais prestigiante da América do Sul, apenas atrás da Copa Libertadores. A competição realiza-se desde 2002, sendo que a Copa Sul-Americana 2023 é a 22.ª edição. Nas 21 anteriores, contamos 9 vitórias para clubes Argentinos, Boca Juniors (2), Independiente (2), Lanús, River Plate, San Lorenzo, Arsenal de Sarandí e Defensa y Justicia (2020), enquanto o Brasil soma 5 vitórias, com São Paulo, Internacional, Chapecoense e Athletico Paranaense (2). As outras formações que já venceram a competição são: Universidad do Chile (Chile), Cienciano (Peru), LDU Quito e Independiente del Valle (Equador) - este em 2 ocasiões -, Santa Fé (Colômbia) e Pachuca (México).

À semelhança do que se passou na Liga Europa da UEFA, a  prova conheceu algumas alterações no seu formato, com as mais recentes novidades a entrarem em vigor precisamente na edição deste ano. A primeira fase conta com 32 emblemas, com equipas do mesmo país - representantes de Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Venezuela - a enfrentarem-se em apenas um jogo. Os vencedores avançam então para a fase de grupos, que também conhece alterações. Se antes só o vencedor do grupo se apurava, agora o segundo classificado disputa, a duas mãos, uma vaga nos oitavos-de-final com o terceiro de cada grupo da Copa Libertadores. Seguem-se os quartos e as meias-finais da competição, igualmente a duas mãos, antes do embate decisivo, decidido num jogo único.

Bónus Solverde oferecido aqui

Dicas de apostas para os seus prognósticos na Copa Sul-Americana

Dicas de apostas para os seus prognósticos na Copa Sul-Americana

Tal como a Copa Libertadores, também a Copa Sul-Americana é um torneio altamente competitivo e equilibrado, com vários candidatos ao título todos os anos. Naturalmente, a hegemonia dos clubes argentinos e brasileiros tem de ser levada em conta, mas por vezes há emblemas de países com menos expressão futebolística a conseguir fantásticas campanhas na prova. Grande exemplo disso são os recentes títulos do Independiente del Valle, do Equador, em 2019 e 2022, depois de ter batido o Colón, da Argentina, e o São Paulo, do Brasil. Aliás, foi a terceira vez que uma formação do Equador levantou o troféu, confirmando que os outsiders aparecem em boa quantidade nesta prova.

Há cinco anos tivemos uma final entre o Athletico Paranaense e o Junior Barranquilla, com os brasileiros a levarem a melhor no desempate pelas grandes penalidades, após dois empates a uma bola nas duas mãos. E em 2020 houve uma final 100% Argentina, com o Defensa y Justicia a arrebatar o título, superando o Lanús por 3-0 na final; já em 2021 o Athletico Paranaense chegou novamente à decisão da prova, superando então os compatriotas do Red Bull Bragantino por 1-0. Juntos, os clubes argentinos e brasileiros somam assim 14 vitórias em 19 edições da segunda prova continental da CONMEBOL, sendo sempre boa ideia espreitar regularmente as odds para clubes desses países no mercado 1X2, mas também para apostas de longo prazo, nomeadamente para quem vai vencer o torneio.

Há dois anos, tal como na época passada (46%), houve uma percentagem alta de vitórias em casa, com cerca de de 48% dos jogos a terminarem com o sucesso dos locais, um número que há quatro edições foi de 58%. Embora a percentagem tenha caído para baixo da média, as vitórias caseiras ainda constituem a maioria. Tal como acontece na Copa Libertadores, a enorme variedade de climas, altitudes, deixando de falar nos adeptos fervorosos da América do Sul, ajudam a explicar estes números, sendo comum ver equipas de menor qualidade a superiorizarem-se a formações de maior valia quando jogam no seu reduto.

O número de golos por jogo havia decrescido em 2018 e 2019, com apenas 2,13 e 2,12 golos por jogo, depois de termos tido 2,47 em 2017. Mas em 2022 esse número voltou a ser exponenciado, agora para 2,52 tentos por partida. Mais cautelas defensivas das equipas nesta competição, na qual a média de golos por encontro é inferior, comparando com a Libertadores, especialmente na primeira mão, o que até nos poderá dar boas hipóteses de investir nas partidas da segunda mão, especialmente em jogos em que estejam envolvidas equipas brasileiras, argentinas ou mesmo equatorianas e colombianas.

Bónus Betclic oferecido aqui

Como prognosticar na Copa Sul-Americana?

Se em 2019 houve 51% de vitórias para os emblemas que jogavam em casa, em 2022 esse número foi mais baixo, de 46%, pelo que é, no entanto, obrigatório considerar essa aposta, especialmente em jogos entre equipas teoricamente equilibradas com odd à volta de 1.80 - 2.00, ou quando os clubes brasileiros ou argentinos jogam no seu reduto - embora neste caso não conte com odds dessas, podendo talvez pensar noutros mercados ou realizar uma aposta dupla com dois triunfos caseiros dessas formações.

A média de golos tinha descido muito em 2018 e 2019, subindo ligeiramente em 2020, sendo, contudo, de uns significativos 2,52 na edição anterior - ainda assim, é provável as casas de apostas ofereçam odds altas para o mercado mais de 1.5 golos (1.45 – 1.60). E se tivermos em conta que cerca de 63% dos confrontos de há três anos e de 66% de há dois acabaram com 2 ou mais golos e que na edição anterior 45% das partidas terminaram com 3 ou mais golos, então determinar em que duelos poderá haver mais de 1.5 golos é essencial.

Repare que pode sempre consultar os prognósticos de um especialista da Sportytrader, que cobre muitos dos desafios desta competição. Em jogos em que estejam envolvidas equipas do Brasil e da Argentina, com talento ofensivo, não hesite em investir no mercado mais de 1.5 golos, naturalmente tendo o cuidado de efetuar uma análise mais profunda na primeira mão.

Outra ideia será entrar no mercado ao vivo, já que com linhas asiáticas muito baixas no início dos jogos (mais de 2 golos, à volta de 1.80-1.90), provavelmente após meia hora sem a rede balançar, poderá ter mais de 1,5 golos a 2.00, o que parece uma excelente aposta, se o jogo em questão não estiver demasiado fechado.

Bónus Bwin oferecido aqui

Que previsão para o melhor marcador da Copa Sul-Americana?

Um mercado interessante e alternativo, sobretudo para quem gosta de apostas a longo prazo, é o do melhor marcador da competição. O argentino Bernardo Cuesta, que representa os peruanos do Melgar - que chegaram às meias-finais -, foi o artilheiro da prova na época passada, com oito golos em 13 jogos. Seguiu-se o colombiano Stiven Mendoza, então ao serviço dos brasileiros do Ceará. Mendoza transferiu-se entretanto para o Santos, um dos emblemas canarinhos que irão disputar a edição 2023 da competição.

Lautaro Díaz, argentino do Independiente de Valle, foi o terceiro melhor marcador e peça-chave para o título dos equatorianos. Mas um nome a ter em consideração neste mercado tão específico é o de Tiquinho Soares. O antigo avançado de Nacional, Vitória de Guimarães e FC Porto mudou-se a meio da temporada para o Botafogo, tendo apontado 6 golos em 14 partidas. Tiquinho tornou-se facilmente referência do Fogão, outro dos conjuntos brasileiros presentes nesta edição da prova, é é um sério candidato a homem-golo do torneio.

Bónus Betano oferecido aqui

O nosso prognóstico grátis para a Copa Sul Americana 2023

Tal como já referimos, é muito difícil de antever quem se irá impor significativamente nesta competição. A hegemonia brasileira e argentina tem sido evidente, mas na Copa Sul-Americana a exceção tem-se registado mais vezes do que na própria Libertadores, na qual é quase sempre uma equipa do Brasil ou da Argentina que vence. Exemplo disso são os dois recentes títulos conquistados pelo Independiente del Valle, do Equador.

Diríamos, ainda assim, que as formações de Terras de Vera Cruz e do país dos Pampas deverão conseguir chegar longe, sobretudo as canarinhas. Nas meias-finais das duas últimas edições do certame houve dois emblemas do país-irmão, o que diz bem da sua supremacia. Se fosse para apontar um outsider poderíamos, por outro lado, referir qualquer formação do Chile, do Peru ou ainda do Uruguai, em especial o histórico Peñarol.

Bónus Betclic oferecido aqui

Apostar no vencedor da Sul-Americana: as odds

Nesta fase muito adiantada de 2023, as casas de apostas ainda não oferecem as odds para apostar no futuro campeão da Copa Taça Sul-Americana edição 2023. Logo que surgirem, serão apresentadas nesta página.

Os nossos prognósticos do momento

Não há prognósticos para esta competição neste momento

.